Bolo de cominhos à moda de Bilbo Baggins

« -Entre e tome uma chávena de chá! – conseguiu dizer, depois de respirar fundo.

– Uma cervejinha caía-me melhor, se não se importa, meu bom senhor – disse Balin da barba branca. – Mas não digo que não a um pouco de bolo… bolo de cominhos, se tiver.

– Tenho muitos! – deu consigo a responder, para sua surpresa, e depois deu consigo a correr para a adega, a fim de encher uma caneca de cerveja, e em seguida para uma despensa, onde foi buscar dois belos e redondos bolos de cominhos que fizera naquela tarde para petiscar depois do jantar.»

Tolkien, JRR (1937, 2001). O Hobbit. Publicações Europa-América: 18.

Continuar a ler